O Que é e Como Funciona a Construção Anti-sísmica?

Olá amigos! Bem-vindos ao meu mais recente post. O artigo que hoje vos apresentamos dá uma olhada de perto… O Que é e Como Funciona a Construção Anti-sísmica?

Os movimentos telúricos fazem parte da natureza da Terra. Todos os dias as diferentes placas do solo devem fazer esses movimentos para liberar energia e voltar à normalidade. Diante dos inúmeros desastres estruturais que ocorrem em decorrência dos terremotos, é fundamental conhecer como funciona a construção anti-sísmica e quais são seus objetivos.

O que é uma construção anti-sísmica?

Também conhecida como “construção antiterremoto”, é uma metodologia construtiva que é realizada de forma a suportar os movimentos telúricos com maior resistência. Para isso, engenheiros, projetistas e construtores utilizam diversas técnicas para fazer dos diversos edifícios e estruturas, uma construção invulnerável a essas circunstâncias.

As construções anti-sísmicas não representam um novo objeto de estudo. A realidade é que, desde tempos remotos, foram feitas tentativas desenvolver metodologias para neutralizar desastres causados ​​por terremotos e terremotos. Agora, um aspecto de como funciona a construção antissísmica é que é um nome genérico para se referir a todos os edifícios e infraestruturas que são construídos para resistir a movimentos sísmicos sem desabar.

Como funciona a construção anti-sísmica?

Para realizar este tipo de construção, os especialistas estudam o projeto resistente ao terremoto, a fim de criar um edifício resistente e não rígido. Assim, como parte da resposta sobre como funciona a construção antissísmica, é fundamental referir que esta se realiza graças aos materiais que são selecionados para a construção das estruturas.

Entre os materiais mais utilizados estão: concreto, aço e madeira. Com estes materiais espera-se que os estragos sejam menores e portanto não haja necessidade de demolir o edifício após um sismo. Engenheiros e arquitetos recomendam que as estruturas sejam de concreto armado com colunas nos cantos e bordas das aberturas, que devem permanecer conectadas ao encadeamento superior, assim como as fundações.

O Que é e Como Funciona a Construção Anti-sísmica?
Pode estar interessado em:  O Que é e Como Funciona o Deus Hermes?

Considerações básicas

Ao longo dos anos, os especialistas criaram códigos de segurança com o objetivo de que essas estruturas cumpram uma série de requisitos que garantam sua estabilidade e resistência.

Um dos aspectos que se valoriza neste regulamento é o correcto estudo do terreno onde será construído o edifício. A estrutura não deve ser colocada no corte de um talude, pois os movimentos horizontais da terra podem provocar o seu colapso. Estudos japoneses revelam que quanto maior a base da estrutura, mais forte e segura será a edificação.

Por sua vez, as construções antissísmicas são mais eficazes quando são superfícies quadradas, em vez de retangulares ou circulares.

Benefícios da construção anti-sísmica

Em países onde o movimento da placa tectónica se faz sentir com maior intensidade, é comum a construção deste tipo de edifícios, entre os seus principais benefícios podemos citar:

1.- Garantir segurança para a vida dos habitantes e seus bens imóveis.

2.- Atualmente são utilizados materiais ecológicos que garantem menor impacto ao meio ambiente e maior resistência em edifícios, por exemplo, blocos de plástico.

3.- São estruturas projetadas por pessoal treinado, portanto, sua segurança e durabilidade são aumentadas.

Saber como funciona a construção anti-sísmica foi de grande interesse para saber que, embora não possamos prever os movimentos da Terra, existem formas óptimas de se preparar.

Não se esqueça de verificar:

Não deixe de assistir ao próximo vídeo!

https://www.youtube.com/watch?v=_AqCus9rw88

Deixe um comentário